Check-in Policy no Team Foundation Server

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

 

Muitas empresas atualmente, utilizam o TFS, apenas para Check-In e Check-Out de código fonte, sem nenhum tipo de controle de versão, ou regras para Check-in.

Neste post, vou abordar um pouco sobre politicas de Check-In, que é uma coisa bem simples de se aplicar, mas muitas pessoas desconhecem a existência desta funcionalidade.

 

Como eu já disse anteriormente, aplicar regras de Check-in é uma coisa simples, e para isso, quando você estiver conectado ao seu Team Project no Visual Studio, abra o Menu “Settings”, que pode ser visto na imagem abaixo

 

 

Após essa seleção, se abrirá o menu de “Settings”, e nessa tela, selecione a opção “Source Control”, conforme imagem abaixo:

 

 

Ao clicar nessa opção, se abrirá uma caixa na tela, onde teremos os seguintes menus:

 

Na Primeira tela, é onde você seleciona se os usuários podem realizar Check-out múltiplos, ou seja, se varias pessoas podem editar o mesmo arquivo simultaneamente, e também, onde você habilita a opção de baixar a ultima versão do código no Check-out.

Na segunda tela, é onde você pode aplicar as regras, como por exemplo, “Build’s”, onde só é permitido o check-in se a Build anterior estiver quebrada, ele não permite um novo check-in, também temos a opção de “Changeset Comments Policy”, onde é exigido que o programador faça um comentário para poder realizar o Check-in, existe também a opção de “Code Analisys” onde é feita uma analise do seu código antes do check-in para analisar se esse código pode, ou não subir(isso depende da opção selecionada), e também temos a opção “Work Item”, onde é exigido que o programador vincule um Work Item ao Checkin.

Mas apesar destas regras estarem habilitadas, o programador pode “Sobrescrever” essa regra e não cumpri-la, bastando apenas realizar um comentário que não precisará atender a regra.

 

Isso é uma coisa um tanto quanto simples de se fazer, e que ajuda muito no controle do código Fonte, mas como muitas empresas não sabem, ficam a deriva quanto a isso.

 

O TFS é uma ferramenta poderosa, e que deve ser analisada com carinho, pois possui diversas funcionalidades que ajudam e muito na gestão do código fonte, na gestão de projetos, o TFS é uma ferramenta maravilhosa que a MS criou.

 

Espero que meu post tenha sido util, caso não tenha (ou caso tenha escrito algo errado..rs) é só entrar em contato comigo, seja nos cometários, seja no e-mail.

Até mais pessoal.